​E-BOOK GRATUITO: Benzimento com Louro

​E-BOOK GRATUITO: Benzimento com Louro

Aprenda a fazer um Benzimento PRÁTICO e SIMPLES que vai ajudar você e sua família abrir caminhos, eliminar negatividades e para Melhorar a sua saúde física e espiritual!

Nunca mandaremos SPAM para você.

Planta medicinal – Chambá

Planta medicinal – Chambá

Chambá

Botânica

Nome científico: Justicia pectoralis var. stenophylla, Leon.

Sinonímia: trevo-cumaru e anador.

Origem e descrição da planta: pequena erva sempre verde, subereta, com flores azuladas muito pequenas e folhas estreitas e longas que chegam a medir 5 cm de comprimento.

Cresce em canteiros e jarros, formando conjuntos aglomerados com cerca de 40 cm de altura.

Planta medicinal – Chambá

Cultivo

Hábito de crescimento: erva.

Ciclo da planta: perene.

Propagação: divisão de touceiras e plantio de ramos enraizados.

Forma de cultivo: plantada em canteiros, com espaçamento de 30 cm entre plantas x 30 cm entre linhas.

Adubação: por ocasião do plantio (em fundação) e após cada colheita (em cobertura), colocam-se 10 kg de composto orgânico ou esterco de curral, bem curtido e peneirado, para cada m² de canteiro.

Irrigação: diária e somente no tronco.

Colheita: no início da floração, cortam-se as plantas quase rentes ao chão fazendo-se, a seguir, a adubação em cobertura.

Naturezas química e farmacológica

Partes utilizadas: folhas.

Constituintes químicos: cumarina.

Formas de uso: chá e lambedor.

Indicações: broncodilatador e anti-inflamatório, o chambá é útil no tratamento das crises de asma, de tosses, bronquite, gripe, chiado no peito, respiração difícil sem causa aparente e enfisema pulmonar.

Receitas caseiras

Lambedor:

Ingredientes: 1 vidro de açúcar, ½ vidro de água filtrada e fervida, ½ vidro de folhas de chambá, 12 folhas de malvarisco e 10 folhas de hortelã
japonesa, todas bem lavadas em água corrente e cortadas em pedaços bem miúdos.

Obs: a medida “vidro” corresponde ao frasco de maionese de 250 gramas.

Modo de preparar: colocam-se o açúcar e a água numa panela de vidro, ágata, barro ou material semelhante, leva-se ao fogo e deixa-se ferver até
formar o mel.

A seguir, adicionam-se, nesta ordem, as folhas de chambá, aquecendo por 3 minutos, as folhas de malvarisco e de hortelã japonesa e
aquece-se, por mais 3 minutos, mexendo bem.

Deixa-se esfriar, côa-se e guarda-se em vidro esterilizado.

Modo de usar: Crianças: de 2 a 6 anos: 1 colher das de café 3 vezes ao dia; de 7 a 12 anos: 1 colher das de sobremesa 3 vezes ao dia; e adultos: 1 colher das de sopa 3 vezes ao dia.

​E-BOOK GRATUITO: Benzimento com Louro

​E-BOOK GRATUITO: Benzimento com Louro

Aprenda a fazer um Benzimento PRÁTICO e SIMPLES que vai ajudar você e sua família abrir caminhos, eliminar negatividades e para Melhorar a sua saúde física e espiritual!

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

1 Comentário

  • Muito bem informativo postagem de grande valia, eu tenho essa planta em casa que minha mãe me deu junto com uma outra que não encontro em lugar algum para saber de que planta se trata, segundo minha mãe é dipirona mas ja pesquisei e não é pq não se parece nenhum pouco com a dipirona, tenho tbm em casa; Uva, Capim Santo, Erva cidreira, Pitanga, Hortela, Romã, Acerola, Pimentas, Mirra, laranjeiras, tipos de limoes, Arruda, Manjericão, Maracujá, Quebra pedra, Alho Poró, Boldo, Limão Mirim, Trançagem, Amora, Abacate, etc… Zenilton Abrandes de Brasilia/DF.


Deixe o seu comentário!